2º Festival MUSGO começa segunda e o que vai rolar?

2º Festival MUSGO de Artes Integradas começa segunda-feira agora!

E está chegando a hora!!

Segunda-feira já é o primeiro dia do Festival MUSGO.

Pela tarde é a vez da Oficina de Zine que será ministrada a partir das 14h lá nas mediações do RU do Campus Santa Mônica. Além de chamar as pessoas para uma produção coletiva, o intuito de oficinas como esta é sempre colocar as pessoas para pensarem na maneira e no tipo das informações que são passadas hoje pelos veículos convencionais e assim, poder fazer diferente… Já estamos esperando ansiosos pelo zine, que será distribuido no dia 13/11, último dia do festival, durante e festa! 🙂

No entanto, a segunda-feira não se resume a isso, e a atividade da tarde é apenas o começo!

As 19h é hora de se encontrar no Espaço Cultural Veredas onde vai rolar o Coquetel de Abertura do Festival. O Espaço Veredas está localizado em cima do Praça Shopping, na Praça Tubal Vilela, 181.

O lugar leva a gente pra outra dimensão do centro de Uberlândia e mostra, que lá, intimamente no turbilhão de informação urbana, tá crescendo cada vez mais um ponto de manifestação cultural da cidade. Isso é muito bom! Ótimo lugar para darmos início a toda essa semana de diálogos, produções e questionamentos que têm envolvido o campo cultural e artístico do “fazer independente”.

Além de conhecer o Espaço, quem aparecer por lá poderá conferir ainda as exposições dos artistas plásticos Fauster Martins e Marcio Araujo, a performance da Cia Crua e o lançamento de dois livros virtuais de Alcides Melo, um superparceiro de ideias e movimentações artísticas.

Alcides tem um site e lá a gente pode conhecer do que se trata esse lance de literatura de “baratos”, o que tem tudo a ver com a mesa redonda que teremos durante a semana sobre literatura e novas experimentações. Lá no Veredas o Alcides vai lançar duas de suas criações, o Alfabetário Embolatórico Cordelírico e Damirabi.

Além de todas essas atrações vai rolar um coquetelzinho astral, organizado por uma galera pra lá de entendida nesse quesito, nossos amigos Luana, Chuchu e Carol, todos alunos do curso de Gastronomia da Unitri.

Então agora todo mundo já sabe aonde e como começa o Musgo! Lá no Veredas, 19h, pra curtir uma ótima programação cultural e petiscos especialmente preparados pra gente começar essa semana com toda energia!

Ah! E é tudo gratuito! 😉

Aí você começa a semana com a gente e aproveita pra conhecer toda programação do festival!

Anúncios

Sobre Grupo Tamboril

O Grupo Tamboril de Arte Independente é composto por artistas, comunicadores e divulgadores culturais. Por isso, o Grupo guarda como objetivo desenvolver o intercâmbio entre as ações culturais conscientes do papel da atividade artística nos dias de hoje para que assim seja ampliada a cadeia produtiva da cultura a partir das subseqüentes trocas de tecnologia social evidenciadas nesse processo. Desde as primeiras ações em 2007, na Universidade Federal de Uberlândia, o grupo ressalta a necessidade da criação de público para os artistas universitários, assim como para a perspectiva das ações de sustentabilidade econômica e social dentro do contexto em que vivemos. Assim, o Tamboril divulga os artistas não só da Universidade, mas tem como intuito divulgar e instigar a discussão sobre a proliferação de cultura independente e das iniciativas de autogestão dentro do país de maneira geral. Vislumbra-se aqui, o fato de que iniciativas culturais independentes contribuem em muito para estimular o reconhecimento das práticas econômicas criativas que se desenvolvem não só dentro da cultura, mas em meio a nossa contemporânea plataforma de organização social. Dessa forma, como mecanismos práticos, o Tamboril executa divulgações audiovisuais e virtuais, oficinas de capacitação, grupos de discussão, articulando a isso, exibições plásticas, teatrais e musicais e eventos culturais de maneira multidisciplinar. São esses os instrumentos usados pelo grupo a fim de incitar e divulgar o atrelamento que existe entre Cultura, Sustentabilidade e Desenvolvimento. Suas ações se dão dentro da Universidade Federal de Uberlândia e também fora do campus, em parceria com demais agentes e produtores envolvidos com a cena da cultura nacional e com questões atuais de sustentabilidade.
Esse post foi publicado em Arte Independente e marcado , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s